Não confie na Aposentadoria do INSS

Comentários

Independente da sua idade você já fez o cálculo da sua aposentadoria?


Se já fez, então talvez você tenha chegado a essa conclusão...




Triste trabalhar a vida toda, contribuindo sempre pelo teto do INSS e, no final de toda uma vida produtiva, acabar os dias à míngua.

Imagine você trabalhar em uma empresa e acumular os recursos para a aposentadoria por meio de desconto em folha de pagamento, cujo valor pode variar de 8% a 11%, dependendo da faixa salarial. 

Eis outra afirmação real: 

"Eu paguei sempre o teto máximo. Minhas primeiras contribuições foram acima de 4 salários. Os últimos 25 anos foram teto máximo e aposentei com 2,4 salários. Expectativa de vida e fator previdenciários comeu toda minha aposentadoria. Me investi num futuro que hoje não desejo nem pros cachorros."

Do Wikipedia:
O termo aposentadoria refere-se ao afastamento remunerado que um trabalhador faz de suas atividades após cumprir com uma série de requisitos estabelecidos em cada país, a fim de ele possa gozar dos benefícios de uma previdência social e/ou privada. É objeto de estudo do direito previdenciário (saiba mais).

Existem dois tipos de aposentadoria: 


A aposentadoria por idade – é preciso ter atingido as idades mínimas previstas é aquela que será concedida para o homem aos 65 anos e para a mulher aos 60 anos. 

A aposentadoria por tempo de contribuição – é preciso ter contribuído ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) pelos prazos estipulados nas regras da Previdência Social que é aos 35 anos para o homem e aos 30 para a mulher.



Existem mais informações sobre aposentadoria (outros tipos, casos especiais, etc) que não é o objetivo deste texto. O fato é:

O Dinheiro que você receberá como aposentadoria pela Previdência Social nunca será o suficiente para manter o seu padrão de vida.

Hoje em dia viveremos muito mais que o tempo da aposentadoria. Isso é resultado da melhora na qualidade de vida fruto de boa alimentação, cuidados na saúde e tecnologia.

Isto significa que você vai viver muito tempo com saúde, mas será que terá dinheiro realmente para desfrutar deste momento?

Você continuará pagando aluguel, alimentação, água, eletricidade, telefones e... Assitência médica. Esta cada vez mais será requisitada. Estudos indicam que gastamos a maioria de nossas finanças nos últimos 2 anos de nossas vidas. Serão internações, remédios, cuidadores...


Muitos sonham com a aposentadoria tranquila


Mas poucos estimam o quanto irá precisar para viver bem, mantendo o padrão de gastos que lhe dá uma boa qualidade de vida com relacionamentos, saúde e lazer.




Eu tenho uma péssima notícia: o benefício da Previdência Social será no máximo 20% da sua receita como aposentado

É por isso que defendo que devemos trabalhar em prol da Liberdade Financeira e buscar viver de renda passiva!


Pergunte-se sobre sua aposentadoria


• Que parcela você pode poupar agora?  
• Com que idade desejo me aposentar? 
• Quantos anos ainda me restam até o momento da aposentadoria?
• Que renda desejo ter ao me aposentar?

Entenda que quanto maior o tempo de contribuição, maior o valor acumulado e, consequentemente, maior a renda a ser recebida.



Como se planejar para uma velhice bem remunerada?


Imagine que você precisa de R$ 10.000,00  para viver com a qualidade de vida que você deseja. Então, como se preparar para viver os seus últimos anos com as melhores condições possíveis?

A resposta é: Preparando-se desde agora. Monte sua carteira de aplicações financeiras para atingir sua independência da aposentadoria do INSS ou outra.

E, assim, você poderá até doar para caridade esse dinheiro que você receberá do governo. Que tal? Não é um bom objetivo?

Caso seja necessário e, se for possível, adie a aposentadoria até aumentar seus investimentos em renda passiva e diminuir despesas.



Onde investir para ter renda passiva


Atualmente existem muitas modalidades simples de investimento vão lhe ajudar você a ganhar um dinheiro extra com os rendimentos gerados passivamente. Existe a Poupança (para objetivos de curto prazo), o Tesouro Direto, a Previdência Privada, o CDB (Certificado de Depósito Bancário), Debêntures, Letras de Crédito, o mercado de ações, entre outros tipos de investimento. E é claro invista numa boa Previdência Complementar.




Não espere os últimos 10 anos de sua vida produtiva no trabalho para se preocupar com a aposentadoria. Prepare-se hoje para um futuro bem mais tranquilo


Mais exemplos que você deveria se preocupar desde já com sua aposentadoria:
Sem planejar aposentadoria, ex-executivo frita hambúrgueres