O caminho do Enriquecimento depende de nossas emoções e escolhas

Comentários
No caminho para Viver de Renda Passiva é preciso esforço para conseguir alcançar seus objetivos! A boa notícia é que isso não é tão difícil e nem inusitado. É preciso ter os pés no chão para caminhar esta extraordinária estrada.

Há poucos dias encerrou o prazo para entrega da declaração do imposto de renda. Neste momento muitas pessoas organizam seus dados e até lançam suas informações em arquivos ou planilhas eletrônicas.

Há anos presto contas ao Leão. E sei que é preciso muita organização para não errar nos detalhes. São nos detalhes que se escondem os grandes segredos. Uma coisa que notei é que percebemos a evolução de nossos rendimentos e podemos compará-los com nossa evolução patrimonial. Em alguns momentos somos mais disciplinados e criteriosos em nossas escolhas financeiras e em outros agimos de forma mais displicente.

Ao longo dos anos podemos perceber os acontecimentos que tiveram total relação com o desempenho (bom ou ruim) de nossa vida financeira. Momentos de motivação maior, satisfação no ambiente de trabalho, vida amorosa e familiar satisfatórias, entre outros, suas finanças também seguiam de forma muito mais saudável.

Os momentos mais difíceis também geralmente surgem quando ocorrem a perda ou adoecimento grave de familiares queridos, o fim de um relacionamento conjugal (o resultado dessa fase ruim também foi sentido no bolso), a mudanças nas condições sociais e afetivas em nossos empregos.

Percebemos disso a conexão entre o nosso comportamento, nossas emoções e nossas finanças. Acredite, estes são assuntos bastante relacionados entre si. É preciso desenvolver comportamentos proativos diante da vida e também que maneje bem o controle de nossas emoções. Caso contrário, há boas chances de arruinarmos nossa vida financeira!

Pense por um instante: qual é o melhor momento para você melhorar sua pro-atividade e saúde emocional. Essa hora é agora! O tempo é hoje!

Quando estiver executando suas tarefas de hoje, no seu trabalho, na sua empresa, no seu lar ou em qualquer outro lugar, dê o seu melhor. Não faça isso para agradar seu chefe, seu sócio, marido ou esposa. Faça isso por você! Faça para que você experimente a satisfação de um dever cumprido e feito de forma excelente. Isso vai prepará-lo para responsabilidades maiores, que virão ao seu tempo;

Todas as vezes que a situação ficar tensa, que as preocupações se tornarem muito frequentes ou que alguns desafios familiares se instalarem, crie o hábito de "se retirar" por um período de pelo menos 30 minutos por dia. Vá para um local quieto, preferencialmente junto à natureza, onde você possa fazer uma autoanálise de suas emoções. Estabeleça um diálogo interno, honesto e aprenda manter o controle da situação.

Se você tem amigos de confiança, troque ideias com eles também sobre um eventual momento difícil. Alguém de fora da situação tem sempre uma ótica diferente para os fatos e pode ajudar bastante, ainda que apenas como um verdadeiro ombro amigo.

Não espere a situação ficar crítica; aja enquanto ainda é possível evitar um mal maior. Dessa forma, você estará no rumo certo para manter uma vida de qualidade, incluindo decisões financeiras corretas e que te ajudarão a conquistar os seus sonhos.